Defecar

Defecar: do Lat.  defaecare. v. int., expelir naturalmente os excrementos; obrar; evacuar; v. tr., mundificar; limpar; depurar; acrisolar; v. refl., emagrecer. Variação errada: difecar.

Detenho formação superior em Comunicação Social e em Comunicação Organizacional. Participei nas edições do Campeonato Nacional de Língua Portuguesa, chegando por duas vezes a final. Sou uma amante da escrita e criei este blog porque busco aprender sempre mais e, também, porque gosto de partilhar conhecimentos.

Publicado em Palavra
4 comments on “Defecar
  1. Marco diz:

    Esse link está errado. Não foi o autor do Bitaites que escreveu difecar em vez de defecar, foi um visitante que comentou no post em questão. O link correcto deve ser dirigido ao comentário em si e não ao post: http://bitaites.org/cromos/o-circo-dos-amigalhacos-dos-animais#comment-5527
    Peço-lhe que corrija, Daniela.

  2. Artur diz:

    Marco, o link está correcto, encontrei difecar nos comentários, nada me levou a pensar que foi o autor.

    Como mesmo registado não consigo comentar no seu post acerca da suposição que o artista Guillermo Habacuc Vargas matou um cão à fome para fazer arte, vou fazer uma pergunta aqui:

    Concordo que a maioria dos blogues não tem informação de confiança. Concordo que a maioria das pessoas é muito rápida a fazer juízos. Mas por outro lado a única evidência que encontrei acerca do cão estar vivo foi a da Galeria Códice confirmar que o cão foi bem tratado.

    Está a basear a sua certeza de que o cão está bem apenas numa declaração feita pela galeria que, caso fosse confirmada a morte do cão, podia ser bastante prejudicada?

    Eu não o estou a julgar, apenas gostava de saber se o cãozito ficou bem.

  3. Marco diz:

    Daniela, obrigado. 🙂

    Artur, não conseguiste comentar porque fechei os comentários. Há um limite para o tempo que consigo gastar a aturar gente doida – atenção, não é o teu caso!
    Quanto à tua pergunta, talvez queiras ler este post que escrevi alguns meses depois: http://bitaites.org/cromos/o-caozinho-nao-morreu-esta-bem

    Quanto ao destino do cão, ficou selado desde o momento em que fugiu da galeria e regressou à miséria esfomeada das ruas de onde veio. Mas disto os justiceiros dos animais não querem saber, só estão preocupados em crucificar.

  4. Obrigado pela resposta Marco. Já tinha lido o artigo da ZonaPunk mas lá também indica que é a palavra da galeria contra a jornalista. Eu vou ver se escrevo um postzito no meu blog a tentar explicar melhor o que quero dizer. É escusado poluir aqui o estaminé da Daniela 😛

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Aprenda Inglês com milhões de histórias de 20 segundos!
plants
Recebe no e-mail: clica aqui
  • 2.363.847 visitas
%d bloggers like this: